Connect with us

Published

on

Uma mulher foi presa suspeita de matar a filha com uma facada no pescoço, durante um surto psicótico na manhã deste sábado (6), no centro de Rio Largo, Região Metropolitana de Maceió. A informação foi confirmada pelo Conselho Tutelar da região.

O crime ocorreu dentro da casa onde mãe e filha residiam. O pai, por sua vez, não estava no imóvel, pois havia saído para trabalhar. A menina foi socorrida por vizinhos e levada ao Hospital Geral Professor Ib Gatto Falcão, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Conversas em um grupo de WhatsApp revelam que os vizinhos ouviram a mãe gritando com a filha, acusando-a de “vir para destruir nossas vidas”, enquanto a menina afirmava que amava a mãe. Logo depois, o crime ocorreu, levando os vizinhos a entrarem na casa para socorrer a menor. No entanto, a dinâmica do acontecido e suas causas serão investigadas pela Polícia Civil de Alagoas (PC/AL).

VEJA:



					Mãe é presa suspeita de matar filha com facada no pescoço após surtar em Rio Largo
Conversas em aplicativo de mensagem.

A Polícia Militar (PM) compareceu ao local e realizou a prisão em flagrante da mulher. Além da mãe, o pai foi localizado e conduzido, junto com a companheira, à Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Já o Instituto Médico Legal foi chamado para recolher o corpo da menina no hospital.

 

*Greyce Bernardino/GazetaWeb

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights