Connect with us

Published

on

A Polícia Civil de Alagoas (PC/AL) prendeu um homem, de 63 anos, acusado de matar o próprio pai com golpes de machado, crime ocorrido no Sertão de Alagoas. O suspeito, que estava foragido há 20 anos, atualmente, era presbítero de uma igreja evangélica, localizada em Santana do Ipanema.

As investigações apontam ainda que o crime foi por motivo fútil. Por conta de uma discussão com o pai, o homem acabou efetuando os golpes de machado que culminaram na morte da vítima, que tinha 71 anos. O crime foi registrado em São José da Tapera.

A prisão ocorreu na última sexta-feira (12).

Detalhes do crime

“Um dos pontos que chamou atenção neste caso foi o fato de o filho, além de não levar em consideração a afinidade familiar, também não atentou para o aspecto de que seu genitor foi a pessoa que o ajudou a poder se estabelecer e conseguir sobreviver, em virtude da ajuda que a vítima deu para que ele montasse o próprio negócio. O acusado estava desempregado e o pai o ajudou financeiramente a construir sua vida, montando para ele um bar, local onde ocorreu o assassinato”, disse o delegado Daniel Mayer.

O acusado foi conduzido para o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), de São José da Tapera, onde aguarda audiência de custódia e demais determinações judiciais.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights