Connect with us

Published

on

Alexandre Correa entrou com um pedido de prisão da ex-mulher, Ana Hickmann, na última quarta-feira (03), após a apresentadora não entregar o filho do antigo casal, Alezinho, para passar as férias com o pai. O empresário teria acionado seus advogados para que a apresentadora seja detida em até 24 horas pelo crime de alienação parental.

De acordo com informações da CNN, Correa teria enviado um documento ao juiz de direito da vara de Família e Sucessões do foro de Itu, em São Paulo, com a justificativa de que Hickmann teria se recusado a entregar o filho deles aos seus avós paternos, para que ele ficasse um tempo com o pai, como havia sido combinado previamente.

Alexandre Correa pede reforço policial para prender Ana Hickmann

O documento alega que a criança ficaria com o empresário entre os dias 3 e 10 de dezembro, o que não teria acontecido. Ao invés disso, a apresentadora teria liberado Alezinho apenas para um “rápido encontro para um lanche no final da tarde”, pois estava indo para a praia com os amigos e iria levar o menino com ela.

O texto ainda cita: “Diante de tudo isso, e dos crimes reiteradamente praticados, não resta outra saída para o Requerente [Alexandre Correa] senão recorrer novamente ao Poder Judiciário para que a Requerida Cumpra com a Lei e permita a convivência entre Pai e filho conforme já foi determinado pela Justiça, bem como para que ocorra a prisão em flagrante dentro do período de 24 horas”. Correa chega a destacar a necessidade de um reforço policial para que sua ex seja presa.

Até o momento, nem Ana Hickmann e nem Alexandre Correa se manifestaram publicamente sobre o ocorrido. Procurada, a assessoria da apresentadora ainda não retornou o contato.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights