Connect with us

Published

on

Uma mulher de 39 anos foi presa suspeita de estuprar a enteada no Conjunto Antônio Rodrigues Calheiros, na cidade de Messias, no interior de Alagoas. O crime teria ocorrido em 2014, quando a vítima tinha 15 anos, mas a prisão só aconteceu após nove anos, nessa quinta-feira (14), no Conjunto Graciliano Ramos, em Maceió.

Segundo relato da vítima, a mulher era companheira de seu pai e, algumas vezes, quando este saía para trabalhar, ela entrava no quarto e a despia para a prática de atos libidinosos.

A mulher também teria ameaçado uma menor, irmã da vítima, que teria desconfiado da madrasta. “Em uma das vezes, uma irmã da adolescente bateu na porta de casa e, assustada, a acusada disse que ‘se você contar o que está acontecendo eu te mato'”, informou a Polícia Civil (PC).

Além dos estupros, a mulher ainda é suspeita de levar a garota para uma seresta e lhe oferecer cerveja para beber, o que teria acontecido depois de muita insistência.

O então delegado de Messias, Ivanildo Inácio de Brito, foi quem presidiu o inquérito e as investigações do caso. A mulher deve ser encaminhada ao Sistema Prisional.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights