Connect with us

Published

on

Às margens de uma rodovia na ilha de Kauai, no Havaí, está um amplo muro de cerca de 1,80 metro de altura. Seguranças e vigias ficam, dia e noite, em frente ao portão de entrada e patrulham praias ao redor.

É neste local que Mark Zuckerberg adquiriu um terreno e cria um projeto secreto. Os funcionários, trabalhadores da ilha, tiveram de assinar um termo de confidencialidade para que nenhuma informação vaze. De acordo com o jornal americano Wired, os que se atreveram foram demitidos.

Segundo uma reportagem do veículo, caminhonetes entram e saem diariamente, transportando materiais de construção e centenas de trabalhadores. Com 566 mil metros quadrados, a propriedade vai contar com um abrigo subterrâneo de 1.524 m². O jornal estima que tudo custe em torno de R$ 1,3 bilhão de reais, uma das propriedades mais caras do mundo.

A reportagem afirma que documentos registram a compra de uma porta resistente a explosões, e que o empreendimento pretende abrigar mais de 12 edifícios, com pelo menos 30 quartos e 30 banheiros no total. Uma fonte familiarizada com o projeto ainda teria afirmado que se pretende conectar árvores por meio de fios, criando um meio de circulação entre um prédio e outro.

Um dos prédios mais afastado das mansões principais vai incluir uma academia completa, piscinas, sauna, banheira de hidromassagem e quadra de tênis. A propriedade está repleta de outras casas para hóspedes.

Outras duas mansões, que ocupam uma área total comparável a um campo de futebol, vão ter vários elevadores, escritórios e uma cozinha de tamanho industrial.

Já as duas mansões centrais vão ser unidas por um túnel que se ramifica para o abrigo subterrâneo, que conta com uma área de estar e uma escotilha de fuga que pode ser acessada por uma escada, com câmeras vigiando tudo.

Brandi Hoffine Barr, porta-voz de Zuckerberg e Priscilla Chan, a esposa do magnata, não quis comentar sobre o projeto.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights