Connect with us

Published

on

A Prefeitura de Maceió iniciou o Recadastramento Imobiliário dos imóveis localizados na capital, sejam eles edificados ou não. O recadastramento deve ser realizado pelo titular ou co-titular do imóvel, pelo Portal do Cidadão (clique aqui), site de serviços da Secretaria Municipal de Fazenda (Sefaz). A primeira fase do recadastramento vai até o dia 30 de novembro.

Ao acessar o Portal, o contribuinte municipal deve clicar na opção Recadastramento, conferir se as características do imóvel descritas pelo sistema condizem com as condições atuais e confirmar ou informar se houve algum tipo de alteração, destacando qual dado é divergente. Todo o processo de recadastramento é feito pela Internet. Ao acessar a plataforma, o cidadão também tem acesso a todos os imóveis vinculados a ele.

A iniciativa da Fazenda Municipal visa atualizar o banco de dados cadastrais de todos os imóveis de Maceió, de modo auxiliar o poder público a entender e mapear informações importantes sobre a distribuição imobiliária na capital.

De acordo com o diretor de Relacionamento com o Contribuinte, Phillippe Félix, com o processo de recadastramento feito pela Internet, é esperado que a Prefeitura de Maceió consiga mapear grande parte dos imóveis da capital, ainda este ano.

“É um sistema fácil e simples, com uma interface didática que auxilia o cidadão a realizar essa consulta de dados de forma acessível, sem dificuldades. A ferramenta também traz alguns benefícios para o cidadão como por exemplo, apontar imóveis que estão listados por erro ou imóveis que já foram vendidos para outras pessoas, mas que ainda não tiveram o imposto de transmissão recolhido, entre outros”, diz.

A Secretaria Municipal de Fazenda disponibiliza o e-mail atendimento@sefaz.maceio.al.gov.br para tirar dúvidas e oferecer orientações de forma remota.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights