Connect with us

Published

on

A Autarquia Municipal de Iluminação Pública (Ilumina) tem como principal objetivo levar iluminação pública de qualidade para toda Maceió. Apesar dos esforços incessantes para cumprir esta missão, alguns fatores prejudicam diretamente o cronograma de trabalho da pasta: o furto de cabos e outros equipamentos elétricos.

O mais recente deles aconteceu na madrugada desta sexta-feira (28), no viaduto da antiga PRF. Por lá, foram roubados mais de 1.000m de cabeamentos. Equipes da Ilumina atuam para que a iluminação pública seja restabelecida o mais rápido possível. Em junho, o mesmo trecho já havia sido furtado. À época, foram levados 192m de cabos e o prejuízo foi estimado em R$ 3.192,57.

Materiais foram levados no viaduto da antiga PRF. Foto: Ascom Ilumina
Materiais foram levados no viaduto da antiga PRF. Foto: Ascom Ilumina

Somente este ano, já foram registrados furtos nos bairros do Tabuleiro do Martins, Riacho Doce, Cidade Universitária, Pontal da Barra, Graciliano Ramos, Benedito Bentes e Barro Duro, chegando a totalizar mais de R$ 317 mil de prejuízo à Prefeitura de Maceió. Somados, o cabeamento levado pelos criminosos ultrapassam a marca de 10.000m de extensão, em pontos que já estavam iluminados.

Só na Avenida Denis Agra, em um trecho do Benedito Bentes, mais de sete quilômetros de cabos foram furtados de uma só vez, resultando em mais de R$ 150 mil de prejuízo para os cofres públicos. Na mesma via, em um ponto no Conjunto Graciliano Ramos, mais de 500m de cabeamentos também foram levados, com um custo de R$ 23 mil ao erário municipal, que arcou com a substituição do material e o pronto restabelecimento dos serviços à população.

De janeiro a julho houve casos de furto de cabos na Ponte Divaldo Suruagy, com mais de um quilômetro de material roubado e prejuízo estimado de mais de R$ 30,000,00. Na Avenida Cachoeira do Meirim, no Benedito Bentes, os criminosos levaram 1,2km em cabeamentos e a despesa ultrapassou os 55 mil reais. Na Avenida Márcio Canuto, o dano ao patrimônio público foi de R$10.900,00.

Apesar de acontecer com mais recorrência, o furto de cabos não é o único empecilho enfrentado pela Ilumina na promoção de iluminação pública.

Na Grota do Andraújo, localizada em Riacho Doce, além dos mais de 150m de cabos furtados, também foram levados quatro postes, quatro braços metálicos e quatro luminárias, somando um prejuízo de R$ 47.908,92, somente neste ponto.

Já no bairro Cidade Universitária, o transformador de distribuição situado no entorno do condomínio Alameda das Amendoeiras foi furtado pela terceira vez em um período de três meses, deixando mais de 30 pontos sem iluminação, comprometendo a segurança e o bem-estar da população.

O diretor-presidente em exercício da Ilumina, Gutenberg Melo, alerta que esse tipo de crime prejudica todos os cidadãos maceioenses: “A iluminação pública é um fator essencial para garantir que as pessoas se sintam seguras e também facilita o deslocamento em pontos de difícil acesso. Além disso, dependendo do local em que haja o furto, uma área de convívio inteira pode ser afetada, retirando dos moradores daquela região um ponto de encontro ou uma área de lazer, que ficam escuros”, pontua.

O titular da pasta aponta ainda que, ao enviar equipes técnicas para realizarem serviços de reparação e reposição da iluminação, são também utilizados recursos que poderiam estar sendo aproveitados para avançar serviços em outras regiões: “Quando deslocamos uma equipe para atender ocorrências referentes a furtos deixamos de enviá-las a algum local com novas obras e ou serviços de manutenção preventiva que estejam  em andamento, ou seja, o trabalho em novos pontos de iluminação pode ser adiado para que pontos antigos sejam refeitos”, informa.

A Ilumina registra, junto à Polícia Civil, Boletins de Ocorrência para que haja a investigação dos casos.

A população pode contribuir para o combate da prática criminosa, denunciando os furtos e casos de vandalismo ao patrimônio público pelo aplicativo da Ilumina e também no 181, o Disque Denúncia, ou através do Disque Luz, da Ilumina, no 0800 031 9055, com ligação gratuita.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights