Connect with us

Published

on

O Tribunal de Justiça de São Paulo atendeu ao pedido do Ministério Público e mandou soltar Leonardo Felipe Xavier Santiago, torcedor do Flamengo, preso em flagrante pela morte da palmeirense Gabriela Anelli, no sábado, 8, antes da partida disputada no Allianz Parque. Na decisão assinada nesta quarta-feira, 12, a juíza Marcela Raia de Sant’Anna considerou que o homem visto atirando uma garrafa tem características diferentes das de Leonardo Felipe. Além disso, a magistrada determinou que a investigação do caso seja transferida do Drade, a delegacia especializada em crimes relacionados ao esporte, para o DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa). A medida acontece após o delegado César Saad declarar que o flamenguista havia confessado o crime. Posteriormente, entretanto, a defesa do torcedor do Flamengo negou a versão, afirmando que o homem apenas atirou gelo na direção dos palmeirenses. À Jovem Pan, Saad declarou que a prisão foi feita com base no depoimento de testemunhas.

.

Jovem Pan

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights