Connect with us

Published

on

O CMN (Conselho Monetário Nacional) decidiu nesta quinta-feira (29) por uma meta de 3% em 2026, encerrando as incertezas sobre qual o objetivo do Banco Central nos próximos anos. O colegiado também decidiu mudar o sistema de metas de inflação vigente há mais de 20 anos e estabelecer um alvo contínuo a partir de 2025.

A decisão foi tomada pelo colegiado formado pelos ministros da Fazenda (Fernando Haddad) e do Planejamento (Simone Tebet) e pelo presidente do BC (Roberto Campos Neto).

Segundo os membros do governo, não houve objeção da autoridade monetária sobre as alterações definidas na reunião. “Os votos foram por unanimidade”, disse Tebet.

Advertisement
Click to comment

Deixe uma resposta

Verified by MonsterInsights